Ir para conteúdo

| Festival Anim!Arte | Animações brasileiras são premiadas

Quatro brasileiros vencem a 16ª edição do Festival Anim!Arte. lém disso, animações da Eslováquia, dos Estados Unidos, da Índia, do México, do Peru e de Portugal também foram premiadas. Mais de 700 pessoas de 40 países participaram do festival este ano, que será estendida até 25 de junho. 

Foto do curta “Baiacu”, de Luíza Ishikawa, um dos premiados da 16ª edição

Quatro animações brasileiras conquistaram a 16ª edição do Festival Anim!Arte, que teve sua cerimônia de premiação neste domingo, 13. São elas: Òpárá de Òsún: quando tudo nasce, de Pâmela Pelegrino; Maria Quitéria Honra e Glória, de Antonio Jesus da Silva; Modais, de Nícolas de Sousa e Baiacu, de Luíza Ishikawa. O grupo musical Sambalangandã participou da cerimônia.  

Na categoria Filme Ambiental o grande vencedor do júri oficial foi o brasileiro Òpárá de Òsún: quando tudo nasce, de Pâmela Pelegrino. A equipe de jurados também condeceu menção honrosa para o também brasileiro Nana e Nilo – Dia de Sol e Chuva, de Sandro Lopes; para o argentino El Árbol ya fue Plantado, de Irene Blei e para o britânico Rhino, dirigido por Bethany Powell. O júri online consagrou o peruano Ana Y El Covid-19: Pequeñas Historias, de Paula Chávez e Carolina Paullo. 

O grande vencedor segundo o júri oficial na sessão Culturas do Mundo foi o mexicano El Desfile de Los Ausentes, de Marcos Almada, que também concedeu as menções honrosas para Oríkì, de Pâmela Peregrino (Brasil); Tobi and the Turbobus, de Verena Fels e Marc Angele (codireção de Alemanha e Suíça) e Mofyah – Dada Yute, de Vinicius Kahan e Marco Souza (Brasil). Segundo o júri online o melhor filme foi para o também brasileiro Maria Quitéria Honra e Glória, de Antonio Jesus da Silva. 

O júri oficial premiou como melhor animação na categoria Estudantes Brasileiros Maxi Modais, de Nícolas de Sousa (Rio Grande do Norte) e concederam menção honrosa para dois filmes do Rio de Janeiro: Altcell, do trio Matheus Galvão, Erik Fischer Guimarães e Renata Boury e Andorinha, de Clara Braem e, para o filme gaúcho O homem atrás da janela, de Naum Roberto Gomes. Na votação popular o paulistano Baiacu, de Luíza Ishikawa, foi o vencedor. 

Na categoria Estudantes Internacionais Maxi Winner, de Samuel Chovan (Eslováquia) foi o vencedor pelo júri oficial. Os jurados também atribuíram menção honrosa para as animações francesas Happy Easter, de Juliette Audureau, Maho Claquin, Titouan Cocault, Yann Coutard, Franklin Gervais, Sophie Terriere e Xinlei Ye e Castaway, de Rachel Bosc-Bierne, Vincent Carrett, Simon Fabbri, Marie Gauthier, Margo Lopez, Léopoldine Perdrix e Flore-Anne Victor e, para o curta canadense My Tagalong, de Jerry Wang. O júri online consagrou A Little More Blue, de Sugandha Bansal (Índia). Já em Estudantes Internacionais Mini o júri oficial premiou o americano Dams: The Pros & Cons, de Ava Skye Barton e Chas Seiffert e atribuiu menção honrosa a Side EFX, de estudantes indianos do Toon Club e da Escola Internacional Oberoi; ao argentino Piti & Catamín, de Cecilia Klyver e ao também indiano Friends Love, de Miss. Diya M.. O mais votado pelo júri popular foi o português Basta ser Humano, do quarteto Salvador, Petra, Carolina e Rui Duque. 

 A edição será estendida até 25 de junho na plataforma Kinow (https://animarte.kinow.tv). Até agora mais de 700 pessoas de 40 países já participaram do evento este ano. Além de todos as animações, será criada uma sessão destacando os filmes vencedores.  

Categorias

Sem categoria

Tags

,

Bruno Simioni Cunha Ver tudo

Biólogo, estudante de jornalismo, cinéfilo e nerd que adora dividir conhecimento

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: