Ir para conteúdo

| Falcão e o Soldado Invernal | Primeiras Impressões

Em uma série mais urbana e com mais ação que ‘Wandavision’, a nova série da Marvel Studios e Disney+ mostra que as produtoras podem explorar outros pontos do Universo Marvel.

Depois de “Wandavision’ a Marvel Studios e Disney começam a exibir ‘Falcão e o Soldado Invernal’ que mostra como os personagens Falcão (Anthony Mackie) e Buck Barnes (Sebastian Stan) estão após os eventos de Vingadores: Ultimato (2019), principalmente lembrando que a dupla foi afetada pelos eventos, ficando 5 anos ‘fora do ar’.

Logo na primeira cena percebemos que esta nova série buscará um tom mais urbano e com mais ação que os produtos anteriores, aqui temos algo muito próximo do desenvolvido em ‘Capitão América: Soldado Invernal’ (2014) com uma forma mais urbana dos nossos heróis.

As diferenças estão nas ações dos personagens e na forma com que recebemos a história, temos um uma narrativa mais voltada a terroristas e outras formas de ameaças ao mundo, nada de feiticeiros ou magia. Aqui teremos um ameaça mais mundana, claro que não parece tão simples assim no primeiro episódio.

A série pode ter dois nomes ou dois personagens, mas percebemos que ambos estão buscando seu local no mundo pós Thanos, então a dupla protagonista não próxima logo de cara. Percebe-se dois núcleos, onde um quer ajudar sua família e outro que quer entender como se encaixar pós diversos combates.

Incialmente a série trabalha de uma forma adequada os eventos que ocorreram até agora (Nos cinemas) e temos quase uma união de ‘Ultimato’ e série. As primeiras cenas são para deixar claro essa ‘junção’ e que diferente de ‘Wandavision’, o caminho percorrido aqui será diferente.

A nova série introduz novos elementos, alguns conhecidos como Batroc (George st Pierre) e uma organização chamada de Apátridas, que parece ser a nova organização ‘terrorista’ do universo construído, porém há diversos elementos a serem explorados nos próximos episódios, já que ainda não sabemos o tamanho dessa organização e quais seus objetivos neste momento.

Incialmente haverá dois núcleos e conforme as histórias irão evoluir, o ‘Falcão e o Soldado Invernal’ deve se unir na ausência de Steve Rodgers (Capitão América – Chris Evans). É claro que sua morte deixou um ‘vácuo’ na sociedade e que haverá um movimento do governo americano em termos um ‘novo’ Capitão América que fica a cargo de Wyatt Russell, que pode ser desde um soldado qualificado a um ‘peão’. Precisamos de mais episódios para entender suas motivações e história, mas por enquanto o escudo tem um dono.

Esse primeiro episódio por mais que diferencie do trabalho anterior, fica claro que há novos elementos a serem explorados aqui e que a Marvel mostra que sabe trabalho seu conteúdo de acordo com o produto. E mal podemos esperar como isso será feito.

Bruno Simioni Cunha Ver tudo

Biólogo, estudante de jornalismo, cinéfilo e nerd que adora dividir conhecimento

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: