Ir para conteúdo

| Exterminadores do Além | Primeiras Impressões

Em uma continuação mais sangrenta, mas com piadas tiradas de um sexto ano, Exterminadores do Além traz uma história mais simples do que apresentada nos cinemas, com a mesma estética para quem já conhece o grupo. Confira o artigo primeiras impressões sobre a série que estreia dia 18 de agosto no SBT

Os Exterminadores do Além Contra a Loira do Banheiro (2018) conhecemos o grupo formado por Jack (Danilo Gentili), Túlio (Murilo Couto) e Fred (Leo Lins) um grupo de Youtubers que investiga fenômenos paranormais, mas não tem grana alguma e usam ferramentas não muito comuns, para o combate dessas entidades. E ao serem chamados para combater a tão famosa Loira do Banheiro (Pietra Quintela) em uma escola pode ser o caminho para o sucesso do grupo.

O roteiro do próprio Danilo Gentili (Como se Tornar o Pior Aluno da Escola) consegue trazer a atmosfera do terrir (Uma mistura entre os gênero de terror e comédia) para o grande público, afinal mais de um milhão de espectadores foram ver a história dirigida por Fabrício Bittar (Como Hackear Seu Chefe).

O SBT exibe uma série que é uma continuação do filme, em uma primeira temporada composta por 10 episódios, onde eles irão investigar um novo problema paranormal, contando novamente com o roteiro de Gentili e direção de Bittar. A principal diferença fica quanto aos protagonistas, enquanto o longa contou com diversas participações como Dani Calabresa, aqui temos apenas o trio dos comediantes do The Noite. Inclusive as exibições são após o talk show às quartas feiras.

Foto: Divulgação

Na trama da série, os personagens Jack (Danilo Gentili), Túlio (Murilo Couto) e Fred (Leo Lins) irão caçar ameaças sobrenaturais baseadas em lendas urbanas brasileiras e outros casos originais. Isso é perceptível logo no primeiro episódio (Exibido para imprensa), o caso é referente a mulher de branco que, segundo a lenda urbana, uma mulher pede carona na estrada e quando a consegue, ela mata o caminhoneiro. 

As primeiras cenas mostram que o tal sucesso esperado não veio, o trio precisa de um novo caso e acabam encontrando, e vamos percebendo quais os caminhos que a série deve seguir. Claro que há uma diferença orçamentária aqui, mas pelo menos os litros de sangue usados continuam os mesmos.

A comédia e o terror retornam aqui, agora de uma forma mais infantil, não é que agora é feito para crianças, as piadas ficaram mais infantis. Tem trocadilho com duplo sentido, uma situação para falar de órgãos genitais e muito bullying entre os três. Algumas delas parecem retiradas de um aluno do sexto ano. 

Foto: Divulgação

Claro que essa ‘aura’ pega um pouco do que foi feito no trabalho anterior, só há alguns exageros em alguns momentos. A principal marca do filme, que é o excesso de sangue, permanece aqui. Os uniformes recebem uma grande quantidade de líquido vermelho.

A montagem aqui é mais seriada, bem como aquelas séries que possuem um caso sendo resolvido por episódio e há uma trama principal. Então não espere uma história densa, o foco é o caso daquele momento e as interações entre o trio.

Falando em trio, as personalidades foram mantidas, apenas com falas pesadas pontuais. Pela química criada entre os três, seja pelo filme e pelos anos de talk show. Entregam cenas dentro do esperado, só podiam ser mais inventivas e não necessitar de uma piada mais pesada. 

Foto: Divulgação

O ritmo  do episódio consegue entreter por justamente trazer muitas subtramas. Temos um caso principal, mas há outros elementos sendo trabalhados e pequenas cenas que agregam ao que é mostrado. Isso ajuda no ritmo e facilita a compreensão de tudo.

Os diálogos além de um pouco mais pesados são rasos, explicam o necessário, sem profundidade e camadas. Exterminadores do Além querem te assustar em alguns momentos e conseguir extrair uma risada e só. Diverte, mas não espere um grande espetáculo. 

Bruno Simioni Cunha Ver tudo

Biólogo, estudante de jornalismo, cinéfilo e nerd que adora dividir conhecimento

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: