Ir para conteúdo

| Wandavision | Primeiras Impressões

Em uma abordagem não vista pela Marvel Studios, Wandavision estreia no Disney trazendo frescor para o universo dos super heróis, mesmo que seja em preto e branco e com referências a era de ouro da TV. Confira o artigo ‘Primeiras Impressões’ sobre a primeira série da Marvel para o streaming da Disney.

Wanda (Elizabeth Olsen) e Visão (Paul Bettany) são um casal conhecidos na HQ’s, quando os dois personagens foram apresentados no universo cinematográfico da Marvel, se imaginava que o casal poderia existir nas telonas. E ele foi apresentado e infelizmente ‘destruído’ quando Visão encontra seu destino em Vingadores: Guerra Infinita, mas a Marvel os imagina juntos novamente na primeira série para o Disney+.

A novidade vêm quando começamos o primeiro episódio, percebemos que a famosa ‘Fórmula Marvel’ não será aplicada aqui, já que ele começa com uma referência a sitcom da tv americana, com uma plateia ao vivo inclusive (Sim! Ao vivo!). Nada de ação ou lutas coreografadas, temos uma homenagem a era de ouro da tv estado-unidense como ‘I Love Lucy’ (1951) no primeiro episódio e ‘Feiticeira’ (1964) no segundo episódio. Até o formato da imagem ‘mais quadrada’ foi utilizada foi utilizada em ambos os episódios.

Inclusive, há cenas de comerciais, como se fosse da época, e até neles, temos informações ou easter eggs da Marvel, um deles inclusive, faz referência a relação de Tony Stark e os irmãos Maximoff nos quadrinhos. Essas ‘surpresas’ tão comuns no universo cinematográfico, aqui fazem referência a muitos momentos, inclusive a cenas dos filmes anteriores, bom quando Wanda diz ‘cabeça indestrutível’ ao seu marido Visão, o Capitão América dentro de nós automaticamente entende a referência.

Crédito: Disney

Estes dois episódios que forma disponibilizados juntos (Essa é única vez que isso ocorrerá em ‘Wandavision’, os novos episódios serão colocados na plataforma um a um). Não fica claro que estamos vendo uma realidade criada por Wanda depois de passar pela morte do irmão em ‘Era de Ultron’ e Visão em ‘Guerra Infinita’ ou se ela está em algum tipo de coma, já que há cenas que indicam os dois caminhos.

Novos Elementos

A série também aproveita para adicionar novos elementos ao universo Marvel, como a organização E.S.P.A.D.A ou S.W.O.R.D bem como o significado do acrônimo, no qual podemos ler: “Sentient Weapon Observation Response Division“. Em tradução livre, isso significa “Divisão Senciente de Respostas e Observação de Armas”. Essa organização pode estar tanto controlando Wanda e seu delírio ou tentado ‘entrar’ na realidade criada e se comunicar com a protagonista.

A organização, que nos quadrinhos, está ligada a invasões alienígenas (Supervisão e Destruição) pode ser a nova organização da Marvel nos cinemas, já que a S.H.I.E.L.D foi dissolvida nos eventos ligados ao Capitão América. O grupo tem dois agentes na série confirmados, Jimmy Woo (Randall Park), que foi apresentado no filme ‘Homem Formiga e a Vespa’ e Monica Rambeau (Teyonah Parris), que foi apresentada no filme ‘Capitã Marvel’, mas ela era uma criança, na série temos sua versão adulta.

Crédito: Disney

A forma com que as cores aparecem também são diferentes dos cinemas, apenas pequenos elementos têm coloração, e por coincidência (Ou não, vai saber) foram tons em vermelho e amarelo, mostrando que a tecnologia Stark e Hank Pym podem estar incluídos para que os agentes controlem o universo criado.

Futuro e Multiverso

Sabemos por declarações do produtor Kevin Feige, que a série está ligada os eventos de Doutor Estranho no Multiverso da Loucura, segundo filme do mago supremo que deve sair nos cinemas em 2022. A própria Elizabeth disse em entrevista que só teve a compreensão total de como isso ocorre, ao gravar o último episódio da série, que está previsto para estrear em março.

Há muitos rumores correndo pela internet que a Marvel irá usar este conceito de multiverso, para trazer personagens que conhecemos em cenas inéditas e que seu irmão Mercúrio pode voltar inclusive, mas o que chama atenção é que não seria a versão de ‘Era de Ultron’ e sim de ‘Fênix Negra’, que é personificada por Evan Peters, o que pode mostrar a primeira ligação com universo mutante, já que os X-Men retornaram para a Marvel recentemente. Vamos aguardar.

Crédito: Disney

Vale lembrar que o conceito de multiverso foi apresentado em ‘Ultimato’ e os principais representantes pelo ‘feito’ estão vivos e podem muito bem aparecer em pequenas cenas, ou sua tecnologia ser necessária novamente.

Onde estamos?

Os dois episódios de ‘Wandavision’ são muito bons, mas não dão nenhuma indicação de quanto tempo se passou deste ‘Ultimato’, ou se estamos em outra linha temporal, outra informação que este começo não explicou, mas está tudo bem. Alguma sexta feira (Dia da semana que os episódios são liberados) teremos essa resposta.

Resultado

A Marvel inova, traz muita informação nova ao seu universo e com uma forma de narrativa diferente dos filmes, mostrando que ela sabe adaptar seu universo a novos formatos e abrange ainda seu universo baseados em quadrinhos.

Bruno Simioni Cunha Ver tudo

Biólogo, estudante de jornalismo, cinéfilo e nerd que adora dividir conhecimento

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: